Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Maio, 2010

Não é uma notícia diretamente ligada a cerveja, mas lá vai.

Uma dupla comemora 82 anos bebendo no mesmo pub, Waggon and Horses. Les Perkins e Chris Parfitt se conheceram quando ambos tinham 13 anos e estavam no pub acompanhados pelos pais. Na época, não se conheciam e nem tinham nada em comum.

“Os novos donos são muito bons e a comida daqui é excelente”, contou Parfitt ao tabloide “The Sun”. Ele e o amigo já acompanharam muitas mudanças no pub, como a passagem de quatro diferentes administrações.

“Já vimos muitas pessoas passarem por aqui. Gostamos de algumas e nem ligamos para outras. Mas todas passam e nós ficamos”, brincou Perkins.

Achei o máximo! Isso é que são clientes fiéis.
Um bom final de semana! Cheers!

Anúncios

Read Full Post »

Além de acessar o Confraria23 todos os dias para saber mais sobre cerveja, recomendo alguns livros, que dão dicas e contam as histórias da bebida.
Aqui vai a lista com ponto forte do livro, preço, editora e autor.

Começando pelo meu favorito, O Larousse da Cerveja

É um bom livro, pois fala da história da cerveja, da produção, das harmonizações, das origens… É uma leitura leve e bem humorada, com bastante conteúdo. Preço sugerido: R$ 86,80. Autor: Ronaldo Morado

O livro da Cerveja

É um guia ilustrado, da editora Nova Fronteira, que mostra 1.700 rótulos de mais de 800 cervejarias do mundo todo. Dá a origem da cerveja, o tipo e mais algumas informações interessantes. Preço sugerido: R$ 89,90. Autor: Tim Hampson

O Catecismo da Cerveja

Deve fazer parte de qualquer biblioteca cervejeira. O livro pode ser visto como uma bíblia do gênero, já que é escrito pelo austríaco Conrad Seidl, conhecido como o “papa” da cerveja. Além de matar curiosidades básicas do leitor, o autor desmistifica também muitas crenças e superstições. Publicado pela Senac São Paulo. Preço sugerido: R$ 75,00.

História do mundo em 6 copos

Na publicação da Zahar, o autor argumenta que as bebidas impulsionaram grandes feitos na história da humanidade. No caso da cerveja, sua elaboração na Mesopotâmia teria possibilitado a fixação geográfica de tribos nômades e a adoção da agricultura. Preço sugerido: R$ 44,00. Autor: Tom Standage

Depois posto mais algumas dicas… O tempo tá curtinho hoje…
Cheers!

Read Full Post »

Na terça feira, dia 3 de maio, tivemos uma noite muito especial na confraria 23; Uma palestra com o burgomestre Sady Homrich, baterista da Nenhum de Nós.

O que é um burgomestre? Pedi ao próprio Sady para me explicar:
“Na região central da Europa lá pela idade média, especialmente na região da Alemanha, Áustria, França, Espanha e parte da Itália, antes de haver uma divisão política totalmente definida, começaram a formar-se cidadelas chamadas burgos.
O Burgomestre era um cara que “sabia um pouco mais do que os outros sobre temas de bem estar”. Uma das atividades era controlar a qualidade da água para fazer cerveja, pedindo aos cidadãos que não usassem o rio como banheiro no curso acima do burgo para garantir captação de boa água!” – via e-mail

Em sua palestra, Sady falou sobre a diferença dos tipos de cervejas, sobre a lei da pureza, as marcas, as mais antigas, as mais caras… Trouxe amostras de tipos diferentes de maltes e bateu papo com os confrades.

O menu da noite foi
Queijos Brie, Caccio Cavalo e Estepe + Aabadessa Export
Mesclum de folhas com frutos do mar + Schneider Weisse
Penne com carne de panela na cerveja porter + Eisenbahn Dünkel
Fondue de chocolate ao bierlikor + Erdinger Pikantus

Não é de dar água na boca?

E por fim, eu e o Sady degustando uma Ramée

Um bom final de semana! Abraços, Júlia

Read Full Post »

360º e não estufa!

Bebabilidade é a palavra chave pra esse novo produto, segundo a gerente de inovações da Skol, Diana Albuquerque.

A Skol 360º.

Após 3 anos de pesquisas, o pessoal da Skol diz ter encontrado uma fórmula de cerveja que não estufa. Será que é verdade? Pessoal aqui do sul vai ter de esperar, pois o lançamento para esses lados ainda não está previsto.
O consumidor poderá encontrar Skol 360° nas versões lata (350 ml), latão (473 ml), garrafa e 1 litro.

Ficaremos no aguardo para testar a bebabilidade.
fonte: AmBev

Uma boa semana, confrades!
Cheers!

Read Full Post »